Conecta Piauí

Notícias

Colunas e Blogs

Outros Canais

Expositor vem pela primeira vez ao Piauí para participar do Salipi

Iago Marinho viu no evento uma oportunidade de expandir os negócios em outro estado desconhecido

O Salão do Livro do Piauí proporciona histórias e relatos interessantes para o público que prestigia os corredores lotados de livros. Conhecer novas vivências e descobrir origens também fazem parte do roteiro literário que constrói os dias de evento que acontece na Universidade Federal do Piauí (UFPI).

É o caso do expositor Iago Marinho, que veio da cidade de Juazeiro do Norte, no Ceará, exclusivamente mostrar o trabalho no SALIPI. No “Afeito Papelaria” Iago mostra o talento através de cadernos e marcadores que produz.

Foto: Pedro Melo/Conecta PiauíIago Marinho, expositor do SALIPI
Iago Marinho, expositor do SALIPI

O expositor viu a oportunidade no Salão do Livro como uma porta para expandir a visibilidade dos produtos. Iago comentou como surgiu a ideia de, sem conhecer o Piauí, vir para o estado e participar do evento.

“Faz dois anos que eu acompanho o SALIPI pelo Instagram. E observando a programação, vendo o engajamento nas redes sociais, tendo um colega que já participa do evento há alguns anos, eu vi que o evento tem um potencial muito grande para as vendas. Eu trabalho com papelaria, que está interligado, de certa forma, a eventos literários”, comenta o expositor.

Foto: Pedro Melo/Conecta PiauíIago Marinho, expositor do SALIPI
Iago Marinho, expositor do SALIPI

E a experiência tem sido produtiva para Iago. Faltando um dia para terminar o evento deste ano, o expositor já pensa em retornar nos próximos anos, após uma semana intensa em Teresina.

“O meu objetivo aqui é voltar para Juazeiro do Norte e com o estoque zerado. O evento está sendo muito bom. As pessoas estão gostando muito do meu trabalho, isso me deixa muito feliz e empolgado. Porque se as pessoas gostam e estão consumindo, isso me dá uma vontade muito grande de voltar para o próximo ano, e eu espero que role, espero que aconteça”, detalhe Iago.

Comente