Conecta Piauí

Notícias

Colunas e Blogs

Outros Canais

‘Estuprador não é pai e criança não é mãe’, diz Elzuila Calisto sobre PL do aborto

Câmara envia documento de repúdio ao Congresso e marca audiência em Teresina

O projeto de Lei 1904 que foi votado, de forma 'relâmpago', na Câmara dos Deputados. O PL iguala o aborto ao crime de homicídio e tem dividido opniões no Brasil. Em Teresina não é diferente, nesta terça-feira (18/06), a Câmara Municipal convocou uma audiência pública contra este projeto. Ainda na sessão ordinária, a maioria dos vereadores assinaram um documento de repúdio que será enviado ao Congresso Nacional. A moção parlamentar é proposição do vereador Dudu (PT).

Foto: Alessandra Fonseca / Conecta PiauíVereadora de Teresina , Elzuila Calisto
Vereadora de Teresina , Elzuila Calisto

A vereadora Elzuila (PT) relatou ao Conecta Piauí o seu posicionamento. “A nossa audiência é para tratar justamente sobre isso, como é que a pena da mãe vai ser maior do que a pena do estuprador, então o nosso debate vai ser sobre esse PL mesmo. Estão politizando, em Brasília, uma questão muito delicada, eu estou sempre pedindo pras pessoas pensarem: ‘e esse fosse a sua filha?", deixou a reflexão.

Foto: Alessandra Fonseca / Conecta PiauíVereador de Teresina, Dudu
Vereador de Teresina, Dudu

Já o vereador Dudu (PT), o idealizador da moção parlamentar, que será enviada ao congresso, também demonstrou o seu posicionamento. “Inadmissível o congresso pautar uma atrocidade como essa com as mulheres e, sobretudo, com as crianças, são 70 mil estupros por no Brasil, isso os registrados, e desses, 58 mil com crianças de  até 13 anos de idade, então pauta de que a vítima ter o dobro da pena do estuprador é um verdadeiro absurdo”, enfatizou. 

Comente